Hoje em dia os síndicos possuem uma nova tarefa, a de fazer o condomínio diminuir seus gastos. Tendo em vista a inflação e taxas de juros mais altas, é de extrema importância minimizar as despesas do condomínio e o impacto que elas trazem aos bolsos dos moradores.

Por isso separamos algumas dicas para fazer seu condomínio poupar mais. Cabe lembrar que estas dicas são de um modo geral e devem ser adaptadas a cada condomínio de acordo com o seu tamanho.

Nossas dicas:

1ª Luz – É fácil baixar a conta de luz se instalarmos sensores nas áreas comuns. Isto ajuda muito a reduzir os custos do seu condomínio.

2ª Água – A dica é colocar hidrômetros de medição individual. Contribui bastante na economia da tarifa de água. Geralmente aqueles que gastam mais acabam diminuindo seu consumo.

3ª Água 2 – Colocar válvulas reguladoras de vazão nas torneiras. Uma torneira convencional dispensa de 8 a 20 litros por minuto. Com estas válvulas, pode cair de 3 a 6 litros por minuto. Bastante né?

4ª Lâmpadas de emergência – Substituí-las por luminárias de emergência com lâmpadas led. Elas duram mais tempo e consomem menos.

5ª Manutenção – Manter é sempre mais barato que reformar ou construir, isso claro, quando falamos de áreas comuns de um condomínio.

6º Hora Extra – Verificar sempre o cartão ponto dos funcionários, para evitar que façam muitas horas extras. É possível economizar bastante neste ponto.

7º Produtos de limpeza – Definir uma quantidade mensal e fiscalizar melhor seu uso.

8º Cisterna – Criar uma cisterna em seu condomínio. Você pode assim reaproveitar a água da chuva para irrigar jardins, lavar a garagem entre outras coisas. Em períodos de chuva você pode armazenar até 40 mil litros gerando uma economia de até 40% na conta de água.

9º Elevadores – Se o seu prédio possui dois elevadores, um de serviço e outro de pedestres, desligue um deles no período das 20h às 06h.

10º Pintura – Saiba que pinturas de cores claras podem ajudar na economia. Porque pintar as áreas comuns com cores claras deixa o espaço mais iluminado e dispensa luz artificial durante o dia.

Veja quais destas dicas podem ser aplicadas em seu condomínio e mãos à obra em busca de economia.